A ação serve para conscientizar a população sobre a importância do diagnóstico do câncer que atinge os tecidos moles do corpo

O Julho Amarelo é uma campanha que tem como objetivo incentivar o diagnóstico precoce do sarcoma, um tipo de câncer que afeta as chamadas “partes moles” do nosso corpo, como gordura, músculos, tecidos conjuntivos e ósseos. 

A descoberta antecipada facilita o tratamento e aumenta as chances de cura do paciente.

Por isso a Oncoradium de Imperatriz (MA) promoveu uma palestra educativa sobre o assunto junto aos pacientes na recepção da Radioterapia da unidade.

A iniciativa faz parte do Movimento OncoBem, um projeto interno da Oncoradium que tem a missão de levar informação e conscientizar pacientes e acompanhantes que aguardam atendimento.

Quem conduziu a palestra foi a assistente social Eletícia Barros, que falou sobre a doença, sinais e sintomas, fatores de risco, diagnóstico e tratamento a ser realizado.

“Recebi feedbacks positivos. A maioria não tinha conhecimento sobre esse tipo de câncer, mas agora, com acesso às informações, vão poder se prevenir e buscar ajuda médica, se necessário”, destacou a palestrante.

A doença

No Brasil, o sarcoma é um tipo de câncer que pouco se fala. Ele atinge os tecidos moles, como gordura, músculo, tecido conjuntivo ou ósseo.

Os principais sintomas são dores no corpo, comuns a outras doenças, além de lesões. Exames como o raio-X podem não ser suficientes para identificar a doença.